Nóticias

Postada em: 03/10/2017

Sindicato apoia mobilização do Outubro Rosa para diagnóstico precoce do câncer do mama

Sindicato apoia mobilização do Outubro Rosa para diagnóstico precoce do câncer do mama

O site do Sindicato dos Metalúrgicos entrou no clima da conscientização do Outubro Rosa. Trata-se de uma campanha criada pelo Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca), que tem o objetivo de alertar a população para a necessidade do diagnóstico precoce da doença. Mamografias e autoexames devem fazer parte da rotina de todas as mulheres.

Segundo dados do Inca, a estimativa é de 60 mil novos casos por ano em mulheres cada vez mais jovens. Porém, quanto mais cedo o diagnóstico, maiores são as chances de cura. De acordo com a entidade, quando o câncer é descoberto no início há 95% de probabilidade de recuperação total.

O Ministério da Saúde registra um crescimento de 35% na realização de exames, que passou de 3 milhões, em 2010, para 4,1 milhões em 2016. Até julho deste ano, foram realizados um total de 2,1 milhões de testes.

Junto com o incentivo aos exames, o Outubro Rosa tem oportunizado debates, seminários e eventos em vários sindicatos, o que contribui para divulgar a importância da prevenção e do diagnóstico precoce da doença.

O Instituto da Mama do Rio Grande do Sul (Imama RS) também promove diversas atividades para conscientizar as mulheres e a sociedade.

O que é o câncer de mama

A doença está relacionada a fatores de risco, reprodutivos/hormonais e genéticos/hereditários. Esses últimos são responsáveis por 5% a 10% do total de casos.

O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do de pele não melanoma. O câncer de mama também acomete homens, porém é raro, representando apenas 1% do total de casos da doença.

Existem vários tipos de câncer de mama. Alguns evoluem de forma rápida, outros, não. A maioria dos casos tem bom prognóstico.

Estima-se que 30% dos casos da doença possam ser evitados quando são adotadas práticas saudáveis como: praticar atividade física regularmente, alimentar-se de forma saudável; manter o peso corporal adequado e evitar o consumo de bebidas alcoólicas. Amamentar também é um importante fator de proteção

Outubro Rosa

O movimento conhecido como Outubro Rosa nasceu nos Estados Unidos, na década de 1990, para estimular a participação da população no controle do câncer de mama. A data, hoje difundida em diversos países. é celebrada anualmente com o objetivo de compartilhar informações sobre o câncer de mama e promover a conscientização sobre a importância da detecção precoce da doença.

No Brasil, a primeira iniciativa partiu de um grupo de mulheres, em 2002. O Inca participa do movimento, desde 2010, promovendo campanhas e espaços de discussão sobre câncer de mama, divulgando e disponibilizando seus materiais informativos, tanto para profissionais de saúde quanto para a sociedade.
Fonte: CUT/RS e Assessoria de Imprensa do Sindicato


[ Voltar ]

Carazinho - RS
Av. São Bento, 501 - Bairro: Glória
CEP: 99500-000 - Carazinho - RS
Tel.: (54) 3331-1088

2016 Copyright(c) - Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos e Mat. Elétricos de Carazinho
Todos os direitos reservados - Desenvolvimento: RuralClassi do Brasil