Destaques

Nova reforma da previdência | 08/03/2019

TRABALHADOR LEVARÁ 40 ANOS PARA ATINGIR 100%DO BENEFICIO DA APOSENTADORIA

TRABALHADOR LEVARÁ 40 ANOS PARA ATINGIR 100%DO BENEFICIO DA APOSENTADORIA TRABALHADOR LEVARÁ 40 ANOS PARA ATINGIR 100%DO BENEFICIO DA APOSENTADORIA TRABALHADOR LEVARÁ 40 ANOS PARA ATINGIR 100%DO BENEFICIO DA APOSENTADORIA

O presidente Jair Bolsonaro, quer que você, trabalhador (a), responsáveis por conduzir este país ao crescimento, tenha que atingir 40 anos para receber 100% do benefício da nova proposta da previdência.

O Ministério da Economia confirmou no dia 20 de fevereiro de 2019, que os brasileiros que ganham acima de um salário mínimo precisarão contribuir por 40 anos para conseguir se aposentar com 100% do salário de contribuição (cujo teto hoje é de R$ 5,839 mil). A regra havia sido adiantada pelo Estadão/Broadcast ainda no dia 4 de fevereiro, por meio da minuta da proposta.

Para quem ganha o piso, nada muda, uma vez que o texto proíbe o pagamento de qualquer aposentadoria abaixo de um salário mínimo (hoje, em R$ 998). Mesmo assim, essa regra deve ser um dos focos de resistência dos parlamentares durante a tramitação no Congresso Nacional.

O ministério também confirmou que os segurados que ganham mais de um salário mínimo vão ter direito a 60% do benefício ao completar 20 anos de contribuição - que passaria a ser o tempo mínimo de contribuição, hoje em 15 anos. A cada ano adicional, são conquistados mais 2 pontos porcentuais. Por exemplo, quem conseguir ficar 35 anos recolhendo para a Previdência vai receber 90% do salário de contribuição.

A regra vale tanto para o INSS quanto para o regime dos servidores públicos, embora o tempo mínimo de contribuição a ser exigido seja diferente. Enquanto no INSS será de 20 anos, para o funcionalismo seria de 25 anos. Para professores, que, pela proposta, seriam contemplados com idade mínima menor (60 anos), a exigência seria de 30 anos de contribuição.



Fonte: Jornal Estadão


[ Voltar ]

Carazinho - RS
Av. São Bento, 501 - Bairro: Glória
CEP: 99500-000 - Carazinho - RS
Tel.: (54) 3331-1088

2016 Copyright(c) - Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos e Mat. Elétricos de Carazinho
Todos os direitos reservados - Desenvolvimento: RuralClassi do Brasil